Compartilhar

MANAUS-AM, 29 de novembro de 2023 – Algumas publicações de mídia perguntaram recentemente quem é o proprietário da Brazil Potash Corp. (“Brasil Potash” ou a “Empresa”) para possível inclusão em seus artigos. A Brazil Potash é propriedade de mais de 7.000 acionistas localizados principalmente nos Estados Unidos, Reino Unido, Austrália, Canadá e Brasil.

O maior acionista da Brazil Potash, CD Capital, é um fundo de private equity focado em recursos naturais e apoiado por uma ampla gama de investidores institucionais, incluindo alguns dos maiores fundos e fundações. O segundo maior acionista, Sentient Equity Partners, é também um fundo de capital privado centrado em recursos naturais, apoiado por investidores institucionais, incluindo grandes fundos soberanos. A Forbes & Manhattan Barbados é propriedade da Bharti Family Trust e inclui investimentos familiares pessoais de um dos fundadores da Brazil Potash, que também fundou e é presidente da Forbes & Manhattan Inc., que desenvolve projetos de recursos naturais em todo o mundo. Há uma participação brasileira substancial do projeto, em grande parte por famílias localizadas no estado do Amazonas, onde o projeto está localizado, e um grande número de investidores institucionais e de varejo predominantemente localizados nos Estados Unidos da América.

A composição dos maiores acionistas juntamente com sua posição acionária é mostrada na tabela a seguir:

Potassio do Brasil

Para mais informações entre em contato:
Relações com Investidores da Brazil Potash
info@brazilpotash.com


Nota de advertência sobre declarações prospectivas

Todas as declarações, exceto declarações de fatos históricos, contidas nesta atualização aos acionistas constituem “declarações prospectivas” e são baseadas nas expectativas, estimativas e projeções razoáveis da Empresa na data deste documento. As palavras “planeja”, “espera” ou “não espera”, “é esperado”, “orçamentado”, “programado”, “estima”, “prevê”, “pretende”, “antecipa” ou “não antecipar” ou “acreditar” ou variações de tais palavras e frases ou declarações que certas ações, eventos ou resultados “podem”, “poderiam”, “iriam”, “poderiam” ou “serão realizados”, “ocorrerão” ou “ser alcançado” e expressões semelhantes identificam declarações prospectivas. As declarações prospectivas incluem, sem limitação, declarações relativas ao processo de consulta da Mura; as etapas necessárias para concluir o processo de licenciamento do Projeto; os benefícios potenciais do Projeto para o povo Mura; apoio governamental à Empresa e ao seu projeto; crescimento populacional e dos recursos naturais do Brasil, a importação de potássio no Brasil, o crescimento do mercado de potássio e as expectativas de preços, o processo de consulta indígena, a conclusão do ECI, estudos e avaliações, o recebimento da licença de instalação e condições precedentes para isso, avançando financiamento de construção, acordos de compra, levantamento de capital, conclusão de uma transação estratégica com terceiros, benefícios ambientais ou comunitários, demandas esperadas da indústria, estratégia de negócios da Empresa, previsão da produção anual e vendas de potássio da Empresa, nomeação de diretores, flutuações cambiais, regulamentação governamental e regulamentação ambiental. As declarações prospectivas são necessariamente baseadas em uma série de estimativas e suposições que, embora consideradas razoáveis pela Empresa na data de tais declarações, estão inerentemente sujeitas a incertezas e contingências comerciais, econômicas e competitivas significativas. As estimativas e premissas contidas nesta carta, que podem se mostrar incorretas, incluem, mas não estão limitadas a, as diversas premissas da empresa aqui estabelecidas. Fatores conhecidos e desconhecidos podem fazer com que os resultados reais sejam materialmente diferentes daqueles projetados nas declarações prospectivas. Tais fatores incluem, entre outros, flutuações na oferta e na demanda por potássio, mudanças nas pressões competitivas, incluindo pressões de preços, prazo e valor das despesas de capital, mudanças nos mercados de capitais e efeitos correspondentes sobre os investimentos da Empresa, mudanças na moeda e taxas de câmbio, condições geológicas ou ambientais inesperadas, mudanças e os efeitos de legislação governamental, tributação, regulamentações, controles e regulamentações ambientais e desenvolvimentos políticos ou econômicos em jurisdições nas quais a Empresa exerce seus negócios ou espera fazer negócios, sucesso em reter ou recrutar executivos e diretores para o sucesso futuro dos negócios da Empresa, diretores e diretores alocando seu tempo para outros empreendimentos; sucesso na obtenção de qualquer financiamento adicional necessário para realizar a aquisição alvo ou desenvolver o projeto Autazes; relações com funcionários e comunidade e riscos associados à obtenção de quaisquer licenças ou autorizações necessárias. Muitas dessas incertezas e contingências podem afetar os resultados reais da Empresa e fazer com que os resultados reais sejam materialmente diferentes daqueles expressos ou implícitos em quaisquer declarações prospectivas feitas pela Empresa ou em nome dela. Não pode haver garantia de que as declarações prospectivas serão precisas, uma vez que os resultados reais e os eventos futuros podem diferir materialmente daqueles previstos em tais declarações. Todas as declarações prospectivas feitas nesta carta são qualificadas por estas declarações de advertência. Esses fatores não pretendem representar uma lista completa dos fatores que podem afetar a Companhia. A Empresa se isenta de qualquer intenção ou obrigação de atualizar ou revisar quaisquer declarações prospectivas, exceto na medida exigida pela lei aplicável. O leitor é advertido a não depositar confiança indevida em declarações prospectivas.